Nós já comentamos aqui no Rescola sobre os SOLEs, os ambientes de aprendizagem auto-organizados propostos pelo professor indiano Sugata Mitra para colocar em prática sua ideia de Educação Minimamente Invasiva.

O conceito básico é proporcionar ambientes nos quais grupos de crianças recebem um desafio estimulante e aprendem de forma colaborativa, buscando respostas na Internet, sem o auxílio de um professor. Se você quer conhecer mais detalhes, pode assistir aqui a palestra do professor Mitra que lhe tornou vencedor do TEDPrize 2013 e lhe concedeu um prêmio de US$ 1 milhão para colocar em prática suas ideias.

Se você se interessou pelo modelo, a boa notícia é que em breve ele estará disponível no Brasil. Com o objetivo de complementar o processo educacional existente e permitir que as crianças possam se apropriar da própria educação, Sergio Andrade – co-fundador do MelhorEscola.Net que ajuda os pais durante o processo de escolha das escolas dos filhos – e Tatsuo Adachi – médico fisiatra com experiência em reabilitação e terapia comportamental – se uniram para criar a marca Hedu.

Por enquanto, o Hedu está coletando cadastros de interessados em inscrever seus filhos, de 8 a 12 anos, em SOLEs (para se cadastrar, acesse hedu.com.br). Sergio e Tatsuo pretendem apresentar em breve um primeiro espaço em São Paulo no bairro da Vila Mariana e depois expandir as operações para todo o país.

“ O primeiro espaço nos ajudará a formatar o modelo que pretendemos levar para todo o país. O sistema será complementar ao ensino tradicional, inicialmente com aulas semanais de 1 hora. Temos planos também de abrir espaços em comunidades carentes, com a ajuda de empresas patrocinadoras.” conta Tatsuo Adachi.

Share Button

Renato Carvalho

Designer, Mestre em Design de Tecnologias Educacionais pela Universidade de Toronto. Trabalha por uma Educação focada no estímulo à criatividade, colaboração, autonomia, iniciativa e pensamento crítico.

Deixe uma resposta